domingo, 25 de junho de 2017

Grande amor

 

Quero ser pra você
Sua vida, sua respiração,
Seu olhar, seu sentir.
Seu pensamento, suas palavras,
Seu sorriso, sua tristeza,
Sua raiva, sua frustração,
Seu querer, seu coração.
Quero ficar assim juntinho de você.
Quero ser seu silêncio,
A palavra em sua boca,
A mão que acaricia.
O vento que sopra seus cabelos.
Quero apenas estar ao seu lado,
Calada, sentindo o seu respirar.
Sorrindo com seu sorriso,
Contemplando seu semblante.
Nessa esmaecida manhã,
Quero ser seu grande amor.

(Cecília-05/2009)

  Código de texto: T 1639831

sexta-feira, 23 de junho de 2017

A vida é...




A vida é...
Uma saudade já vivida.
Um beijo muitas vezes roubado.
Abraço forte e apertado.
Um mistério a ser desvendado.
Mas também é...
Uma palavra não dita.
Uma ilusória alegria.
Um sonho não sonhado.
Um desejo não realizado.
Um amor não correspondido.
A vida é...
Amar sem pedir nada em troca.
Um cantar e dançar de alegria.
Um sorrir e chorar por alguém.
Amar e ser feliz sempre.
Mas também é...
Um canto sem encanto.
Um ir sem voltar.
Uma lágrima de dor.
Um adeus fora de hora.
Mas afinal o que é a vida?
Que nos toma pela mão.
Nos guiam na escuridão.
Nos dá risos e alegrias.
Nós dá os melhores momentos.
Nos dá as mais gostosas gargalhadas.
Mas também...
Nos abandona à própria sorte
Nos traz tristezas infindas.
Nos dá algo, mas pega de volta.
Coloca um mar de água salgada
dentro dos nossos olhos.
Ah vida! És um doce mistério!
Um mistério inexplorável e indecifrável,
mas tão vivido e tão desejado.

(Cecília-SP/03/2008)

Código de texto: T1296691

Razão dos meus sonhos


O teu amor, é a razão dos meus mais lindos sonhos.
Sonhos que trago na lembrança, 
e que me embalam como suaves mãos.
Sonhos como o balançar delicado de uma rede,
que preguiçosamente fica ao relento
acarinhado pelo calor do sol.
Teu amor é o mais belo enlevo da minha vida.
És o remédio para minha alma combalida.
Sutura para o meu coração partido.
Traz-me o real desejo de estar num paraíso, 
amenizando assim o meu sofrer!
És entre todas, a mais sublime das minhas quimeras.
Que tornam minhas noites mais bonitas.
Que me veste de diáfanos véus.
Que me torna ave solitária, a procura do céu.

(Cecília-10/2008)

Código de texto: T1928747

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Penso tanto em você!


Quando você chegou, me apaixonei.
Seu sorriso era lindo, me encantei.
Era radiante como um dia de sol.
Seu olhar tinha um quê de mistério e ternura.
Quando fitava seus olhos, 
navegava num lago tranqüilo.
Sua voz calma e doce, 
era acalanto pra minha alma.
Trazia-me o sussurro do vento 
e seu toque macio.
Quando você chegou, 
esqueci do mundo ao meu redor.
Você era a minha própria existência.
Trouxe-me o perfume das flores.
A brisa suave de todas as manhãs.
Trouxe-me a paz que eu não conhecia.
Com seu sorriso, aprendi a contar 
as cores do arco-íris.
Peguei-me a falar com a lua e 
com as estrelas confidenciando 
meu imenso amor por você.
Difícil, não pensar em você.
Difícil, não falar de você.
Difícil, não falar de amor.
Difícil e impossível é não amar você,

Que se tornou meu grande amor.


(Cecília-03/2008)


código de texto: T4418883

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Juras...


Juro por tudo quanto é jura.
Juro por mim, juro por ti, juro por nós.
Juro de pés juntos e dedos cruzados
que desta vez vou te esquecer.
Juro de jura sincera.
Não duvides do que juro.
Juro pela minha vida, e pela tua vida.
Juro pelo sol que brilha, pela chuva que cai.
Juro, juro não te amar mais.
Juro, juro e juro de novo.
Mas não adianta continuar jurando.
Pois depois de tantas juras que fiz.
Juro, que foram juras em falso!

(Cecília-04/2012)

código de texto: T3621560